Este curso é destinado a todos os trabalhadores que executam atividade acima de 2,00 m (dois metros) do nível inferior, onde haja risco de queda.

O curso compõe os requisitos de capacitação ou reciclagem determinados para estes trabalhadores pela norma regulamentadora número 35 - Trabalho em Altura e atende às determinações da Norma Regulamentadora 01 - Disposições Gerais, Anexo II - diretrizes e requisitos mínimos para utilização da modalidade de ensino a distância e semipresencial.

Ele possui uma carga horária equivalente ao curso presencial respectivo de 4h.

Conteúdos :

a) normas e regulamentos aplicáveis ao trabalho em altura; 

b) análise de Risco e condições impeditivas; 

c) riscos potenciais inerentes ao trabalho em altura e medidas de prevenção e controle; 

d) sistemas, equipamentos e procedimentos de proteção coletiva; 

e) equipamentos de Proteção Individual para trabalho em altura: seleção, inspeção, conservação e limitação de uso; 

f) acidentes típicos em trabalhos em altura; 

g) condutas em situações de emergência;

O cliente pode, a seu critério, complementar a capacitação destes trabalhadores com módulos práticos, presenciais, sobre noções de primeiros socorros e/ou noções de resgate, com cargas horárias adequadas ao quantitativo de trabalhadores e atividades.

Este curso é destinado a todos os trabalhadores que executam atividade acima de 2,00 m (dois metros) do nível inferior, onde haja risco de queda.

O curso compõe os requisitos de reciclagem determinados para estes trabalhadores pela norma regulamentadora número 35 - Trabalho em Altura e atende às determinações da Norma Regulamentadora 01 - Disposições Gerais, Anexo II - diretrizes e requisitos mínimos para utilização da modalidade de ensino a distância e semipresencial.

Ele possui uma carga horária equivalente ao curso presencial respectivo de 8h.

Serão reciclados conteúdos dentre os seguintes do curso formativo :

a) Normas e regulamentos aplicáveis ao trabalho em altura

b) Análise de risco e condições impeditivas; 

c) Riscos potenciais inerentes ao trabalho em altura e medidas de prevenção e controle; 

d) Sistemas, equipamentos e procedimentos de proteção coletiva; 

e) Equipamentos de Proteção Individual para trabalho em altura: seleção, inspeção, conservação e limitação de uso; 

f) Acidentes típicos em trabalhos em altura; 

g) Condutas em situações de emergência;

O cliente pode, a seu critério, complementar a capacitação destes trabalhadores com módulos práticos presenciais sobre noções de primeiros socorros e/ou noções de resgate, com cargas horárias adequadas ao quantitativo de trabalhadores e atividades.